Qual era o segredo para o sucesso de Steve Jobs?

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Descubra as principais características que levaram Steve Jobs ao posto de um dos maiores gênios inventores de todos os tempos

 Quando pensamos em quais foram os maiores inventores da era moderna, alguns nomes estão garantidos nesta seleta lista.

Leonardo da Vinci, e seus inúmeros inventos, alguns que nunca saíram do papel. Graham Bell, conectando as pessoas através do telefone. Karl Benz, que patenteou o primeiro veículo de três rodas, avô do automóvel, etc.

Mas nesta lista, uma pessoa conseguiu um lugar cativo e se chama Steve Jobs, por seus inventos que mudaram não só a tecnologia, mas a maneira de falar, de tirar fotos, de ver as horas e até de fazer compras!

E não estou falando apenas do iPhone. Desde seus primeiros computadores, produzidos em uma garagem junto a seu parceiro Steve Wozniak, Jobs mostrou que superação e trabalho coletivo te levam muito longe.

Para entender os segredos de Steve Jobs, separamos quatro características da sua pessoa que o transformaram no gênio mundialmente conhecido que ele é.

Resiliência

Steve Jobs

Steve Jobs é o perfeito exemplo de resiliência. Sempre encarou o que muitos encarariam como fracasso como o fim de um ciclo e o recomeço de outro.

Por exemplo, quando terminou o ensino médio, Steve Jobs se matriculou na universidade de artes e ciências Reed College, porém, com apenas 6 meses ele abandonou o curso.

Mas ele não viu isso como uma derrota e sim como o fim de um ciclo e o início de outro. Ele seguiu frequentando a faculdade e principalmente as aulas de caligrafia, que disse ter sido fundamental na sua formação.

Aos 30 anos, Steve Jobs foi afastado da Apple devido a uma série de atritos entre ele e os diretores da empresa, em especial o CEO John Sculley. Imagina ser demitido da empresa que você criou aos 30 anos de idade?

Pois, Jobs viu isso como uma oportunidade! Ele pode voltar a trabalhar sem a pressão dos diretores e isso fez com que ele entrasse em um dos seus mais importantes períodos criativos.

Foi assim que ele desenvolveu a Pixar e a NeXT.

Se você quer saber mais sobre como ser resiliente, leia este artigo!

Quebrar paradigmas

A vida de Steve Jobs é cheia de exemplos de quebra de paradigma, mas um dos primeiros foi quando ele decidiu largar um rentável emprego na Atari e viajou para a Índia para descobrir-se.

Ele ficou sete meses vagando pelo país. Um dos principais lugares onde Steve Jobs viveu foi em uma pequena aldeia próxima a Nainital, aos pés do Himalaia.

Em sua viagem em busca do autodescobrimento, Jobs se dedicou ao budismo, à meditação e teve experiências alucinógenas com o LSD, atribuindo a isso sua nova visão do mundo. 

Ao voltar de lá, Steve Jobs passou a dar valor à simplicidade das coisas.

Assim, aos 21 anos, ele desenvolveu o Apple 1, o primeiro computador pessoal do mundo.

Numa época em que os computadores eram paredes de discos rígidos e cabos, ele desenvolveu um que poderia ser conectado a uma TV e com um teclado, para que você pudesse usar na sua casa.

Talvez o exemplo mais conhecido de quebra de paradigma na vida de Steve Jobs tenha sido o desenvolvimento do iPhone, o primeiro telefone inteligente.

Quando todos tinha telefones que abriam, deslizavam e eram cheios de botões, Jobs anteviu a tecnologia do futuro e criou um telefone que cabia na palma da mão e era cheio de aplicativos que iam salvar a nossa vida!

Se você quiser saber mais sobre o que é quebra de paradigma, não deixe de ler este texto!

Compartilhar conhecimento

Em 1994, Steve Jobs deu uma entrevista onde, quando perguntado qual foi a chave do seu sucesso, ele respondeu: pedir ajuda.

Quando Jobs era apenas um garoto do segundo grau, ele telefonou para William Hewlett, fundador da empresa Hewlett-Packard, e pediu ajuda para um projeto do colégio.

William ficou tão impressionado com o talento do jovem que lhe ofereceu um trabalho de verão na sua empresa. Foi neste lugar que Jobs conheceu a Steve Wozniak.

Com Wozniak, Jobs construiria a Apple, a empresa bilionária que conhecemos hoje, que foi desenvolvida na garagem do próprio Wozniak.

Inclusive, a ideia do primeiro computador pessoal partiu de um projeto de Wozniak em seu Clube de Informática. Junto com Steve Jobs, eles aperfeiçoaram a máquina e venderam como um computador doméstico.

O conhecimento compartilhado entre os dois mudou o mundo que conhecemos, graças ao fato de Steve Jobs não ser individualista nem egocêntrico.

Mas se você quer saber mais ainda sobre a importância de compartilhar conhecimento, leia este artigo sobre o tema!

Pondo em prática!

Agora que você já conhece os segredos que levaram Steve Jobs a cambiar o mundo do empreendedorismo, como você vai fazer para aplicar? Uma viagem de autoconhecimento? Terminar um ciclo e começar outro?

Isso a gente não pode te ajudar a decidir, mas a gente pode te ajudar com as melhores ferramentas para que você e sua equipe possam trabalhar hoje com o olhar no amanhã!

Venha conhecer os modernos escritórios e salas de reuniões da Smart Coworking!

Comece economizando no endereço fiscal e otimizando seu tempo de trabalho. Descubra as unidades mais próximas a você e compartilhe essa experiência conosco!Traga a sua marca para o melhor coworking do Brasil e veja seus negócios crescerem!

Saulo Da Rós

Saulo Da Rós

Saulo Da Rós é Autor do Método O Empreendedor Smart, CEO e Founder do Coworking SMART. Pós-graduado em Planejamento e Gestão pela Universidade Federal do Paraná – UFPR e Master Coach FEBRACIS. Criador do Método Empresa Smart, ensina um passo a passo detalhado e comprovado para reduzir os custos e a burocracia dos negócios de seus clientes.
logo_smart.png
  • (61) 3221-1000
  • (61) 98117-0468

Brasília – Asa Sul
​Av. W3 Sul CRS 502 Bl C Loja 37

Brasília – Asa Norte
Av. W3 Norte SEP/N 504 Bl A 3º Andar

TERESINA/PI
Av. Homero Castelo Branco, nº 383​, Jóquei​

CURITIBA/PR​
Rua Mateus Leme, nº 1245, São Francisco

  • Copyright 2020 Smart Escritórios Inteligentes - CNPJ: 19.611.273/0001-09