Categorias
Marketing

Identidade Visual: Qual a importância para os pequenos negócios?

Por ter um pequeno negócio, você acredita que a identidade visual não tem tanta importância? Se a resposta for sim, você não poderia estar mais errado. E no texto de hoje, vou te mostrar o porquê. 

A identidade visual é muito importante para empresas que buscam tornar a sua imagem forte junto ao mercado. A identidade visual vai ajudar a sua marca a se destacar entre as demais e mostrar mais sobre os valores da sua empresa.

Porém, os empreendedores de pequenas empresas costumam negligenciar a identidade visual, o que é um grande erro, pois a identidade visual ajuda na construção da sua marca e mostrará que a sua empresa está buscando seu lugar ao sol.

Siga comigo, que no artigo de hoje, vou mostrar para os empreendedores que as pequenas empresas serão muito beneficiadas por uma identidade visual de qualidade.

Afinal, o que é Identidade Visual?

Identidade visual não é algo usado apenas por empresas, eventos, shows, etc. Empresas também podem e devem ter a sua identidade visual. Porém, como o foco são as pequenas empresas, vamos nos ater a esse contexto, para ir direto ao ponto. Afinal, tempo é dinheiro.

Dito isso, a identidade visual (nas empresas) pode ser entendida como um sistema de componentes visuais que representam a marca. De forma ampla, a identidade visual de uma empresa é composta pelo logo da empresa e todos os conceitos gráficos aplicáveis, como a paleta de cores, por exemplo.

Essa padronização de símbolos e elementos gráficos fazem parte de tudo que representa visualmente a marca. Já de forma aplicada, cada empresa terá sua própria identidade visual, seja de forma positiva ou negativa.

A identidade visual também vai além de apenas um logo, ela corresponde a tudo que foi planejado para representar a empresa. Dessa forma, podemos dizer que fazem parte da construção da identidade visual, alguns elementos, que podem ser:

  • Digitais: o site da empresa, avatares e capas nas mídias sociais, assinatura do e-mail, foto do WhatsApp, vinhetas, entre outros;
  • Físicos: cartão de visita, envelopes, pastas, papel timbrado; apresentação em revistas, camisetas, folders, embalagens, canetas, outdoors, os uniformes dos colaboradores, fachada da loja/empresa, veículos adesivados, entre outros.

Qual a importância da identidade visual (para as pequenas empresas)?

Agora que entendemos um pouco sobre o conceito de identidade visual, vamos tratar do foco do nosso artigo, as pequenas empresas. E explicar de uma vez por todas, que a identidade visual é importante para qualquer empresa, independente do tamanho.

Porém, por motivos óbvios (e quando digo óbvios, falo das questões financeiras), as pequenas empresas costumam deixar de lado os investimentos nesse segmento da empresa.

Onde muitas vezes, apenas apostam em um logo genérico e uma estampa na camisa dos funcionários. Se isso ocorrer na sua empresa, é possível que você tenha achado essa “saída” justificável e correta.

Bom, é claro que entre pagar as contas e investir em identidade visual, a escolha parece bastante óbvia, e é. Porém, não podemos diminuir a importância de uma identidade visual bem trabalhada.

Pegue os exemplos das empresas maiores, todas elas têm uma identidade visual e investem pesado nesse ponto. E acreditem, as grandes marcas não jogam para perder. Tudo o que demanda investimento é porque gerará resultados.

Tem que pensar como os grandes para poder chegar cada vez mais próximo deles. É claro, que uma empresa pequena não dispõe dos mesmos recursos das grandes. Dessa forma, é preciso utilizar movimentos exatos, para usar os recursos da melhor forma. 

Logo de cara, é preciso ter um logo que represente a empresa e que converse com o público. Afinal, será este símbolo que as pessoas vão lembrar quando pensarem na sua marca.

Não dá para dissociar o logo da empresa, é como um time de futebol, o seu escudo é tão conhecido quanto o seu nome. Já vem à cabeça quando você pensa nele. Basicamente, isso ocorre com todas as empresas também. 

Por isso, é tão importante ter um logo (e todos os elementos que já citei acima) trabalhado para representar o seu pequeno negócio da melhor forma. Com isso, a sua empresa terá um ar muito mais profissional e vai causar uma excelente impressão para todos que veem a sua marca.

Importante: da mesma forma que uma identidade visual bem trabalhada agrega valor para sua marca (junto ao mercado e aos consumidores), uma identidade visual toda poluída, feita de qualquer jeito e sem preocupação com o sucesso, vai manchar a forma que as pessoas verão a sua empresa.

Então, por mais que pareça que no curto prazo, investir em identidade visual parece um desperdício, logo você verá, que ela tem o poder de dar vida a sua empresa. Por justamente, ser algo feito para quem procura ficar mais próximo dos clientes e futuros clientes, mostra vontade de crescimento da empresa.  

Benefícios de uma identidade visual bem feita

Para entender melhor, vou listar alguns benefícios de ter uma excelente identidade visual em sua empresa:

  • Identificação por parte do público: com um processo de construção de identidade visual bem feito, o público irá entender logo de cara do que a sua empresa trata, além de criar uma relação mais harmoniosa (pela identificação simples e fácil) com os clientes. Gerando uma fácil diferenciação das outras marcas;
  • Padronização: a identidade visual vai proporcionar uniformidade e mais organização no visual da empresa. Com isso a empresa trará sua “cara” em tudo que produzir para divulgação;
  • Possibilidade de expansão/crescimento: com uma boa identidade visual, o caminho (visual) para o crescimento já estará pronto, o que ficará muito mais fácil para a empresa poder expandir, sem ter que mudar toda a sua identidade visual;   
  • Diretrizes da marca: como mostrei acima, a identidade visual pode ser usada em dezenas de elementos digitais e físicos. Se a identidade visual foi bem planejada ela já terá as diretrizes e templates, que a sua empresa vai utilizar para determinado ponto.  

Dois conceitos para melhorar a identidade visual da sua empresa: branding e neuromarketing

Esses dois conceitos são muito trabalhados pelas empresas de sucesso. Dessa forma, saber mais sobre eles, vai ajudar a sua empresa a evoluir e conseguir crescer graças a uma identidade visual bem trabalhada e que transmita o “espírito” da sua marca.

Branding

Branding é a gestão da marca de uma empresa, com ações que visam tornar a marca da empresa mais sólida junto aos consumidores. Seu processo visa resultados de médio a longo prazo, que o tempo que a sua marca terá para conseguir crescer e se desenvolver junto ao público.

Existem inúmeras ações que são planejadas e executadas para trazer os resultados. Não é apenas sobre propaganda, mas sobre criar um vínculo emocional com o consumidor. Tornando a sua marca uma referência para os clientes.

A identidade visual faz parte desse trabalho do Branding, para utilizar os melhores elementos para demonstrar os valores que a sua empresa quer passar. O Branding potencializará ainda mais o poder da identidade visual, ainda mais se trabalhado com os elementos do neuromarketing.

Neuromarketing

Identidade Visual

O neuromarketing estuda e compreende alguns fatores que influenciam os clientes na hora de comprar. É um estudo de formas de estimular a mente dos clientes e possíveis clientes a buscarem a sua empresa. Entre seus principais benefícios posso citar, que:

  • Ajuda a potencializar as vendas;
  • Ajuda no desenvolvimento de produtos direcionados aos desejos do público;
  • Melhora a experiência dos clientes com a sua marca.

Facilmente, os conceitos do neuromarketing podem ser usados na composição da identidade visual da sua empresa. Trazendo conceitos que, certamente, vão ajudar no desenvolvimento do logo, e demais elementos que compõem a identidade visual da sua marca.

Dica extra: utilizando redes sociais do jeito certo

Uma forma de potencializar a sua marca (bem como a identidade visual) é entender a plataforma que está divulgando a sua empresa. Para poder produzir o tipo de material que mais está em alta no momento.

Por exemplo: recentemente, o Instagram passou por mudanças nas suas diretrizes, onde está visando ser uma plataforma de entretenimento e não apenas de fotos. Dessa forma, é importante “nadar” a favor da maré e produzir o tipo de material que a plataforma está priorizando.

Conclusão

No artigo de hoje, mostrei o conceito e a importância da identidade visual para as pequenas empresas. Além disso, apresentei dois conceitos que, certamente, ajudarão os empreendedores a potencializar os resultados no negócio, através de um trabalho de qualidade com a marca.

O marketing é um grande trunfo de grandes empresas, com isso fica claro que a identidade visual é um dos elementos mais fortes na relação empresa e consumidores (público alvo), para conseguir chegar até mais clientes e potenciais clientes, tornando sua marca reconhecida e respeitada.

Para mais artigos sobre marketing e empreendedorismo, continue acompanhando o blog da Smart. Ele conta com constantes atualizações de artigos que, certamente, ajudarão o seu negócio, seja ele grande ou pequeno (que é nosso maior foco).

Hoje ficamos por aqui. Agradeço a sua leitura, e peço que compartilhe esse artigo em suas redes sociais, para que mais pessoas tenham acesso a esse tema tão importante. Um forte abraço e nos vemos em breve.

Categorias
Marketing

Smart Rio: Com as mudanças no Instagram, qual o impacto no marketing das empresas?

Sua empresa se adaptou às mudanças recentes do Instagram? Não? Pois, deveria! No texto de hoje, falarei sobre como o marketing das empresas foi afetado pelo Instagram.

Não dá para negar que o Instagram é a rede social do momento. É claro, que existem outras redes de grande sucesso, mas a que concentra o “grosso” dos usuários e que as empresas mais olham é o Instagram.

Dessa maneira, estar em “dia” com as atualizações deste aplicativo gigante do Facebook, é essencial para as empresas que buscam o sucesso, através das redes sociais.

E não é para menos, a quantidade de usuários explica porque é tão importante saber usar essa ferramenta da melhor forma. No artigo de hoje, falarei mais sobre as suas mudanças recentes e como as empresas estão se adaptando a esse novo cenário do marketing das empresas no Insta.

Mudanças no Instagram

Desde sua origem o Instagram passou por grandes mudanças, surgindo como uma espécie de álbum de fotos online, onde era possível postar fotos e ver as de seus amigos. Isso até ser adquirido pelo Facebook, que foi onde começaram as maiores mudanças.

Mas essas mudanças não foram logo de cara. Até então, o Facebook estava querendo tirar um concorrente da “jogada” e ver o que era possível aproveitar. Não sei ao certo, qual foi a ideia inicial do Facebook, mas com certeza, não esperavam por todo esse sucesso.

Hoje, no cenário atual, podemos dizer que o Instagram é possivelmente mais relevante que o Facebook (a rede social).

Com o tempo, algumas atualizações vieram, e nelas era possível postar os storys, que foi basicamente uma resposta após a tentativa frustrada de adquirir o SnapChat, o Facebook resolveu copiar a função de adicionar fotos e vídeos por 24 horas. 

E mais recente, veio o Reels, vídeos curtos onde é possível postar diversas coisas, desde dancinhas, fofos e até campanhas de empresas. Uma clara resposta à ascensão do Tik Tok. É claro que houveram outras atualizações, mas as mais relevantes foram essas duas.

E são delas, que vieram as maiores mudanças. O próprio Instagram deixa claro que atualmente é uma rede de entretenimento que vai priorizar os vídeos, deixando de ser apenas o aplicativo de fotos do Facebook.

Então, o marketing das empresas que usavam e usam o Instagram como uma fonte de publicidade, precisam se adequar a essa nova realidade. Afinal, se o próprio aplicativo disse que vai priorizar os vídeos, a melhor resposta que a sua empresa deve ter é priorizar os vídeos no aplicativo

Instagram: Impacto no marketing das empresas

Como o empreendedorismo é algo amplo e existem milhares de serviços e produtos em milhares de empresas, não vou focar em um ponto específico, pois corre o risco do texto não conversar com a proposta da sua empresa.

Desta maneira, vou focar principalmente no impacto que essas mudanças causaram no marketing das empresas e qual a melhor forma de lidar com esse cenário. Com isso, a sua empresa vai saber como lidar e o que o Instagram espera dela.

A ordem da vez é entretenimento baseado em vídeos, correto? Correto! Então, é a partir disso, que o marketing que vai para o Instagram da sua empresa, deve seguir essa linha de raciocínio. Se o Instagram já avisou qual é o seu novo foco, será contraproducente, nadar contra a maré.

Existem dois textos muito bons nesse blog, que vão ser um complemento para esse. Os dois se baseiam em como realizar o marketing digital e como as redes sociais são ferramentas incríveis para pequenas empresas despontarem. Leia-os após concluir a leitura deste, para ter uma compreensão ainda mais ampla.

Dito isso, vou te ajudar a entender esse novo cenário, caso a sua empresa não tenha tido muitos resultados positivos com essas mudanças no Instagram. E, além disso, vou te mostrar como a sua empresa poderá se beneficiar disso. 

Melhore seus resultados

Vou dividir em dois pontos: marketing das empresas que estão começando agora no Instagram e as que passaram pelas mudanças no Instagram:

Iniciando agora: quem está iniciando agora e já sabe as diretrizes: entretenimento em forma de vídeos, vai ser mais simples. Pois, desde já a sua empresa poderá focar nesse tipo de conteúdo (veja como aplicar na prática, logo mais a frente).

Passou pelas mudanças: se a sua empresa já usava o Instagram como ferramenta de marketing e teve um declínio com as mudanças, é bem provável que a sua empresa não se adequou às mudanças ou fez do jeito errado.

Caso a sua empresa ainda esteja trabalhando apenas com fotos no Instagram, já passou do ponto de se atualizar. E caso não esteja tendo sucesso, vou te mostrar, como fazer do jeito certo.

Aplicando o entretenimento, na prática em forma de vídeo

Entenda, que se trata de entretenimento com vídeos. Não é apenas sobre fazer vídeos, é sobre criar entretenimento. As pessoas (público geral) usam o Instagram para se divertir, e é nisso que a sua empresa deve se basear.

As pessoas buscam um entretenimento leve e curto no Instagram, dessa forma, deixe conteúdos mais longos e elaborados para blogs ou para o canal no YouTube da sua empresa, que é onde o público nichado vai buscar conteúdos extras.

Enquanto a sua empresa mostra seus produtos e serviços, deve fazer isso de forma suave, com um conteúdo relevante e/ou engraçado, em um vídeo curto.

Dessa forma, escolha um produto ou serviço para incluir no vídeo, lembre-se o foco principal é o entretenimento e não seu produto ou serviço, ele poderá estar lá, afinal, é para isso que a sua empresa usa o Instagram. Mas o foco deve ser o público.

Então, antes de mais nada entenda sobre o que é a sua empresa, o tema dos vídeos deve ser condizente. Se o seu produto ou serviço trata de algo mais sério, ainda é possível divertir, mas não torne tudo uma piada. Saiba dosar.

Porém, o grande truque é conseguir fazer isso em um vídeo que não passe de 2 minutos para o Reels, e cerca de 50 segundos para os Storys. Então, nada de excesso, o texto do roteiro deve ser curto, relevante e engraçado (no possível).

Dica extra: as fotos não são o foco principal, mas ainda é aconselhável postar fotos no seu feed, sendo um complemento aos vídeos. Afinal, as fotos estão presentes desde sempre. E são nelas, nas suas legendas, que você pode falar mais sobre seus produtos ou serviços e/ou divulgar mais coisas da sua marca.

Conclusão

No texto de hoje, mostrei como as mudanças no aplicativo e na política do Instagram influenciam a sua empresa, caso utilize ele como uma ferramenta de marketing para seu negócio.

Além disso, mostrei quais pontos a sua empresa deve focar para conseguir ter sucesso dentro do Instagram. Para mais textos sobre marketing e empreendedorismo, continue acompanhando o blog da Smart. 

E caso, não esteja se sentindo tão produtivo ultimamente e sente que isso tem te atrapalhado, tenho o artigo certo para você: 

Agradeço a sua leitura e nos vemos em breve!

Categorias
Marketing

Smart Brasília: Essas ações de marketing não podem faltar na estratégia das pequenas e médias empresas

Se você possui uma empresa de médio ou pequeno porte e está com dificuldades no marketing, esse texto é para você! No artigo de hoje vou mostrar algumas ações de marketing que a sua empresa não pode deixar de lado.

Costumo dizer que o marketing é a voz da empresa, pelo fato de ser a partir dele que a maioria das pessoas (clientes e possíveis clientes) criam uma visão sobre a sua empresa. Dessa forma, existem algumas ações de marketing que farão toda a diferença para sua empresa se destacar entre as demais. 

E quando você tem uma empresa pequena ou até mesmo de porte médio, usar de boas estratégias de marketing aumentam as chances do seu negócio crescer.

No texto de hoje, vou mostrar algumas ações de marketing que vão impulsionar a sua empresa a patamares cada vez mais altos. Considere usar todas essas ações de marketing em sua empresa, pois considero que todas são obrigatórias, se você deseja ter sucesso. 

O marketing

Antes de falar sobre as ações de marketing que a sua empresa deve tomar, vou falar um pouco sobre o marketing em si, assim poderá ter entendimento amplo sobre os conceitos que vou te mostrar.

O marketing é uma área de estudo (muitos a consideram como uma arte, e eu me incluo neles) que tem por objetivo: comunicar, criar, atribuir valor para um produto/serviço, entregar e satisfazer as necessidades dos consumidores

Ele tem por objetivo chamar a atenção dos consumidores para a sua marca e com isso, gerar mais vendas e consequentemente, mais lucros para sua empresa.

O marketing também estuda o mercado (principalmente o mercado que sua empresa está inserida) a fim de encontrar pontos relevantes que se sua empresa trabalhar corretamente terá muito mais sucesso junto ao seu público alvo.

Para saber mais sobre o marketing, desde sua origem, objetivos e formas, existe um artigo realmente completo sobre esse assunto aqui no blog, recomendo fortemente que você leia, para ter um entendimento ainda maior.

Ações de marketing que a sua empresa deve tomar

Agora que entendemos um pouco mais sobre o conceito do marketing em si, vou apresentar algumas ações de marketing que a sua empresa de pequeno ou médio porte precisa tomar para conseguir ter maiores resultados junto aos seus clientes e possíveis clientes. Vamos a elas!

Planejamento estratégico

Quando falamos em estratégias de marketing que funcionam, estamos falando de estratégias que surgiram de um planejamento estratégico bem elaborado. Dessa forma, a sua empresa deve sempre definir tudo que planeja fazer, nesse caso, com relação ao marketing, para ter maiores chances de sucesso.

Então, antes mesmo de qualquer ação de marketing externa, a sua empresa deve deixar tudo com os “pingos nos is” na fase de planejamento. Para que as próximas ações, que vou listar, dêem certo, tudo deve começar a partir de um planejamento estratégico bem elaborado.

O marketing é uma área de muito estudo e análise, dessa maneira, tudo deve ser friamente analisado. Embora muito do marketing lide com emoções dos clientes, da hora de planejar é preciso ser realista e metódico a fim de criar um plano perfeito.

Marketing Digital

Sua empresa deve se preocupar muito com o marketing digital, SEMPRE! A internet hoje e nas próximas décadas será cada vez mais forte. Negar isso, é como dizer que à terra é plana ou que a gravidade não existe.

Dessa forma, a sua empresa deve desenvolver cada vez mais formas de marketing digital. Ter uma estratégia de marketing digital bem definida e estruturada, fará toda a diferença para empresas de todos os tamanhos. 

Desenvolva um site realmente diferenciado, não crie algo genérico apenas por criar, muitas vezes isso pode até piorar a imagem da sua empresa. Trabalhe com um blog relevante sobre o entorno dos seus produtos e serviços, isso vai mostrar que a sua empresa não se preocupa só em vender.

Construa uma presença forte nas redes sociais, hoje em dia são tantas. Dessa forma, crie um perfil no Instagram, Facebook e YouTube (se tiver interesse em desenvolver vídeos, podcasts e afins) e em quantas dessas redes achar que sua empresa pode fazer a diferença.

Dica: não esqueça do WhatsApp! Ele é um aplicativo usado por praticamente todo o Brasil e o mundo. Por ser tão amplo e direto, é possível criar uma excelente estratégia de marketing dentro do WhatsApp. No blog existe um texto que ensina a fazer isso. 

Presença em eventos

Entre os principais estão: eventos próprios, patrocínio de eventos de terceiros, exposições e convenções. Através desses exemplos a sua empresa poderá ter uma forte ação de marketing para conquistar cada vez mais espaço no coração dos consumidores.

Quando a sua empresa não é muito conhecida na sua região e proximidades, será nos eventos que a sua empresa terá uma vitrine muito forte para se tornar conhecida e reconhecida.

Estar em um evento vai mostrar que a sua empresa tem o que mostrar e que vale a pena para os comunicadores ao menos conferirem o tipo de trabalho e/ou serviço que a sua empresa desenvolve. 

O marketing visa que as pessoas conheçam a sua marca, e os eventos proporcionam exatamente isso. E não é só no âmbito de eventos para divulgar produtos ou serviços que a sua empresa deve estar. É importante apoiar a sua região, patrocinando eventos de caridade, por exemplo.

Desenvolver o esporte da sua região também é uma ótima vitrine, então apoie, times locais, independente do esporte. Ainda mais no Brasil, onde é tão difícil ver empresas apoiando esportes que não sejam o futebol. Isso vai mostrar o que a sua empresa vê além das outras.

Importante: não estou dizendo para a sua empresa não apoiar o futebol, ele move milhões de pessoas e é o esporte mais famoso do mundo, eu mesmo, adoro futebol. Entretanto, apoie também outras modalidades, é importante e agrega valor e reconhecimento para sua empresa.

Eventos próprios também são muito interessantes, estude a possibilidade de realizar um evento da sua empresa para a sua empresa. Não tem jeito melhor de ser conhecido do que mostrando para os outros do que se trata a sua empresa, fora as parcerias que podem rolar.

Parceria com outras empresas

Quando se tem uma empresa de pequeno/médio porte, será muito interessante buscar parcerias com outras empresas de mesmo ou maior tamanho. Dessa forma, uma poderá ajudar a outra a conquistar mais clientes. 

Crie campanhas de marketing mostrando que a sua empresa e parceiras são as melhores no que fazem, e que ao adquirir produtos ou serviços de ambas, os clientes ficarão muito mais satisfeitos.

As parcerias são importantes, pois mostram que às duas (ou mais) empresas buscam o melhor para seus clientes em diferentes âmbitos. Divulguem promoções, como por exemplo: ao adquirir um produto da empresa X, você terá tantos % de desconto comprando o produto da minha empresa.

Importante: quando falamos de parceria, tem que ser algo que todos ganhem. Então, se você fechar uma parceria, tenha certeza que tanto a sua empresa quanto a outra estão se beneficiando, assim realmente terão uma parceria que tende a durar muito tempo e trazer excelentes resultados para ambos.

Fidelizando seus clientes

Tão importante quanto ter novos clientes, é trabalhar formas de manter e fidelizar os antigos. Então, desenvolva campanhas de marketing para que seus clientes sintam-se valorizados.

Crie planos, dê descontos, estimule eles a continuarem cada vez mais com sua empresa, adquirindo produtos ou serviços. Utilize de todas as ferramentas possíveis para seu cliente se sentir parte da empresa. Como o marketing é a voz da empresa, converse com seus clientes como se fossem seus amigos.

Conclusão

No texto de hoje, mostrei algumas ações de marketing que você deve desenvolver o mais rápido possível dentro da sua empresa. É importante ressaltar que empresas de pequeno ou até médio porte, tem muito a crescer, apenas trabalhando melhor o seu marketing.

Então para que tudo funcione melhor você precisa ter um planejamento estratégico bem estruturado, trabalhar muito o marketing digital, pois a internet é uma forte aliada no sucesso da sua empresa.

Além disso, será muito importante marcar presença em eventos, para que mais pessoas e empresas conheçam sobre seu negócio. Aumentando assim as chances de fechar excelentes parcerias. Essas e outras ações serão muito importantes para chegar em mais clientes e conseguir fidelizá-los.

Para mais artigos relevantes sobre marketing e empreendedorismo, continue acompanhando este blog. Nele você terá acesso a materiais de qualidade para melhorar cada vez mais como um empreendedor.

Agradeço a sua leitura e gostaria de ouvir a sua opinião sobre o artigo, nos comentários. Além disso, compartilhe esse texto em suas redes sociais, para que mais pessoas tenham acesso a esse conteúdo. Nos vemos em breve em mais um artigo.

Categorias
Produtividade

Google Trends: entenda o que é, e como usar

Entenda como funciona o Google Trends, a ferramenta que pode te salvar nos momentos em que a criatividade resolve ir embora.

Se você é um produtor de conteúdo, seja para o seu blog, IG ou canal do Youtube, certamente está sempre em busca de assuntos relevantes na atualidade. 

Você também pode ser uma pessoa que simplesmente quer ficar por dentro dos principais assuntos do momento, sobre o que está em alta no país ou em uma região específica.

Em ambos os casos o Google Trends é a melhor ferramenta, afinal entrega resultados em tempo real, e ainda informa sobre as tendências em categorias especificas, como:

  • Esportes;
  • Entretenimento;
  • Ciências, etc.

Achou interessante? Então continue a leitura e descubra tudo sobre a ferramenta n° 1 do Google, quando o assunto é busca de conteúdos relevantes. 

Entenda como funciona o Google Trends

Criado em 2006 com foco em realizar pesquisas, o Google Trends possui dados de antes mesmo de sua criação (2004).

Com a ferramenta, você pode acompanhar a relevância dos assuntos com o passar do tempo, e até acompanhar tudo até em tempo real. 

Um recurso bastante útil para criadores de conteúdo é o comparativo de termos, para avaliar qual oferece o melhor desempenho. 

Essa busca acontece através de todos os dados que são coletados diretamente do buscador do Google, e de seus demais serviços. 

A análise é feita da seguinte forma: as informações mais acessadas são mensuradas, enquanto as, menos acessadas excluídas. 

Baseado nessas informações a plataforma cria gráficos com o volume de buscas referente ao termo escolhido, para que você possa avaliar o que está sendo mais buscado na internet, podendo também utilizar filtros de região. 

Como usar o Google Trends? 

Não é nada complicado utilizar o recurso do Google, muito pelo contrário! Veja como é fácil:

1° Passo: Vá até o site do Google Trends e faça login com sua conta do Gmail.

google_trends

2° Passo: Role a tela, você poderá observar as pesquisas que estão em alta e as que foram realizadas no ano anterior. 

google_trends

3° Passo: Inicie sua pesquisa digitando o termo de busca na barra. Você vai perceber que quando começar a digitar, surgirão opções de resultados por palavra (Escolha entre resultados de Termo de busca ou Youtube). 

4° Passo: Na sequência surgirá um gráfico com informações sobre a performance do termo escolhido em seu país durante o último ano. Se quiser, você pode utilizar filtros de país, períodos, categorias e serviços do Google. 

5° Passo: Você pode escolher as definições da sua pesquisa. Para isso, basta acessar os “Serviços do Google” e definir se quer alterar suas pesquisas para: imagens, noticias, Google Shopping e YouTube.

Google Trends

6 ° Passo: Você vai notar que além do gráfico de resultados, aparecerão também assuntos relacionados ao termo de busca utilizado. 

Google Trends

Você também pode personalizar por termos em ascensão e Principais, para que possa ver o que mais está sendo pesquisado referente ao termo.

+ Conheça Os Cursos Do Google Que Podem Substituir Diplomas

Utilizando a comparação entre termos

1° Passo: Outro recurso bem bacana do Google Trends é a comparação entre termos, onde você pode comparar palavras sinônimas, por exemplo, para ver qual delas tem o melhor resultado nas buscas. 

Google Trends

2° Passo: Você poderá acompanhar o desempenho dos termos através do gráfico fornecido pela plataforma.

Google Trends

3° Passo: Se quiser saber quais são as principais buscas do momento, basta clicar no menu lateral em seu celular. 

Google Trends

4° Passo: Depois é só clicar em “Principais pesquisas”.

Google Trends

5° Passo: Na sequência surgirão duas abas, em uma delas você verá os assuntos mais buscados diariamente, e na outra, as buscas em tempo real. 

Nas buscas em tempo real você pode selecionar categorias e ver um minigráfico das últimas 24 horas, basta clicar no filtro. 

Google Trends

6° Passo: Quando você clicar em algum dos termos, surgirá um gráfico de interesses do público, com duas linhas: uma mais clara representando o ritmo de desenvolvimento de conteúdo sobre o assunto, e na outra linha, noticias e termos relacionados buscados pelos usuários. 

Google Trends

Pesquisas do Ano

1° Passo: Temos aqui outro recurso bem bacana! Para utilizar você precisa apenas clicar no menu lateral, e em seguida em categoria.

Google Trends

2° Passo: Feito isso, aparecerão várias categorias, as que mais foram buscadas no ano, além de filmes, séries, games, artistas, etc. 

Google Trends

3° Passo: Se você não quer ou não tem tempo de ficar abrindo o Google Trends com frequência, você pode receber e-mails sobre eventos relacionados aos termos que você queira acompanhar, e até mesmo um resumo das buscas da sua região. 

Basta entrar no menu lateral esquerdo e clicar em “Inscrever-se”.

Google Trends

4° Passo: Vá ao botão “Mais” e clique para que possa cadastrar seus termos de interesse.

Google Trends

5° Passo: Digite os termos/assuntos, a região e a frequência que deseja ser informado e pronto! É só clicar em “Inscrever-se”. 

Google Trends

Google Trends para criar conteúdo no YouTube

Quem produz conteúdo para o YouTube precisa estar sempre atento ao Google Trends, que tem uma funcionalidade específica para essas buscas, veja como é fácil:

1° Passo: Digite na barra de pesquisa a palavra-chave que deseja buscar e clique em “Canal do YouTube”.

2° Passo: Surgirão na sua tela assuntos e temas relacionados a palavra buscada, além de gráficos de desempenho. 

Agora é só aproveitar!

Viu como é fácil? Agora é só aproveitar tudo o que há de melhor nessa plataforma feita para tornar a criação de conteúdo muito mais simples. 

O Google Trends pode te ajudar bastante a elevar seus resultados com marketing. 

Gostou das dicas? Então compartilhe em suas redes sociais, e aproveite para conferir outros assuntos aqui do blog. 

Grande abraço e até a próxima!

Categorias
Destaque Empreendedorismo Marketing

Marketing Digital para pequenas empresas: por que investir?

Empreendedores que estão à frente de negócios de pequeno porte sabem muito bem como é necessário coordenar o orçamento minuciosamente para garantir o crescimento sem comprometer o faturamento, com margens geralmente bastante apertadas. Diante disso, muitas vezes, o investimento em Marketing Digital para pequenas empresas deixa de ser uma prioridade essencial.

Custos fixos, escritório, recursos humanos e investimentos diretamente relacionados à produção ou à prestação de serviços precisam permanecer em primeiro lugar. Mesmo assim, os investimentos em Marketing e, prioritariamente em Marketing Digital, devem ser considerados para manter a sustentabilidade e a competitividade da empresa.

Por que investimentos em Marketing devem ser feitos?

É comum que pequenos empresários façam investimentos baixos ou sequer destinem verbas para Marketing, devido aos poucos recursos disponíveis para a contratação de um profissional interno ou de uma agência parceira.

Investir nesta área, entretanto, é essencial para garantir o crescimento do número de clientes para além da rede de relacionamentos do empreendedor e sem demandar alto esforço comercial na prospecção fria de potenciais compradores.

Felizmente, nos últimos anos, o Marketing Digital para pequenas empresas tem permitido que ações sejam realizadas com menor custo inicial e com maior facilidade de mensuração do que no Marketing tradicional.

Marketing Digital para pequenas empresas: 5 razões para investir

Começar a realizar ações de Marketing Digital para pequenas empresas não precisa envolver grandes orçamentos e complexas campanhas. Veja abaixo os principais motivos pelos quais empreendedores devem considerar esta área em seus orçamentos:

1. Baixo investimento

Ao contrário do Marketing tradicional, que remete a altos custos quando pensamos em anúncios e materiais gráficos, com o Marketing Digital é possível começar com investimentos bem mais baixos. Não é por acaso que o Facebook tenha se tornado uma ferramenta tão importante para as pequenas empresas brasileiras.

Com uma página nesta rede e auxílio de anúncios, é possível impulsionar vendas antes mesmo de ter um bom site no ar. O investimento em mídia paga também não precisa ser exorbitante nos primeiros passos, podendo ser facilmente ajustado conforme a verba disponível em cada período do ano.

2. Alcance de público amplo e preciso

O Marketing Digital também é bastante efetivo para atingir o público ideal para a empresa, desde que bem direcionado. Ao contrário dos anúncios tradicionais em revistas, jornais, entre outros, em ferramentas como Google Ads, Facebook Ads e LinkedIn Ads, é possível segmentar quem verá a publicidade de acordo com fatores como comportamento e perfil demográfico.

3. Avaliação de resultados e retorno sobre investimento

Assim como é possível ser bastante preciso na segmentação do público, você consegue avaliar assertivamente o resultado de cada ação, analisando o retorno do investimento em cada uma delas. Isso é possível graças às ferramentas de mensuração das mídias digitais, que permitem inclusive definir o objetivo para a campanha e direcionar o orçamento para maximização dos resultados.

4. Fácil adoção de tendências

O Marketing Digital também permite aderir a tendências de forma mais rápida e sem significar altos investimentos. Com uma boa câmera de celular, por exemplo, é possível iniciar a produção de conteúdos em vídeo, uma das principais apostas atualmente. Outros exemplos são ferramentas para criação de sites, robôs de atendimento (chatbots), automação de mensagens de e-mails, entre outros.

5. Escalabilidade

Por fim, o Marketing Digital para pequenas empresas também permite escalar facilmente os resultados comerciais, de acordo com o investimento que for aportado. Isso permite que você possa começar aos poucos e, conforme tiver retorno, possa ampliar seu orçamento em Marketing, inclusive diversificando ações.

O que falta para a sua empresa investir mais em Marketing Digital?

O Marketing Digital para pequenas empresas tem sido um aliado importante para o crescimento, sem exigir alto investimento inicial ou sofisticadas campanhas. Diante disso, nossa dica é que não adie o início das atividades nesta área, mesmo que o orçamento esteja apertado. Tente iniciar com ações de baixo custo (ou até mesmo gratuitas) para depois, aos poucos, ampliar o que for possível. Lembre-se, sem Marketing suas vendas serão sempre limitadas!