Categorias
Vendas

Smart Brasília: 5 Técnicas para aumentar o ticket médio da sua empresa

Buscando formas de aumentar o ticket médio da sua empresa? Você veio ao lugar certo!

Aumentar o ticket médio é um dos grandes objetivos das empresas, garantindo assim melhores resultados para a empresa. Dessa forma, a empresa deve utilizar-se de medidores para entender o relacionamento entre empresa e clientes. E o ticket médio é perfeito para isso.

Com o ticket médio será possível entender os consumidores da sua empresa e estabelecer formas de aumentar seu ticket. No texto de hoje, vou te ensinar 5 técnicas que são perfeitas para aumentar o ticket médio do seu negócio. 

Ticket Médio: o objetivo é aumentá-lo! 

Dica importante: antes de ler esse artigo, recomendo que leia:  Explicando o que é Ticket Médio e sua importância. Com às duas leituras ficará ainda mais fácil seu entendimento.

De forma resumida o ticket médio é a média que seu cliente gasta em sua empresa, sendo um importante indicador da relação entre seus clientes e seus produtos/serviços, representado através de números. 

Aumentar o ticket médio será uma excelente forma da sua empresa ficar melhor posicionada no mercado, além de possibilitar o crescimento dos lucros (que é o objetivo de todo o negócio).

Porque o ticket médio é um indicador tão importante?

Ter um ticket médio elevado está diretamente relacionado a alta performance da equipe de vendas. Com isso, buscar aumentar o ticket médio é fundamental para que as vendas não parem de crescer.

Além disso, com o ticket médio será possível buscar referências importantes para toda a empresa (principalmente no setor de vendas e marketing), onde será possível aplicar as mudanças necessárias para melhor os números.

Ele será um indicador importante para realizar mudanças na equipe de vendas (com contratações e demissões), evidenciar necessidade de capacitação para os vendedores, na revisão das etapas e rotinas comerciais da empresa, na alteração de preço e promoções, além de abrir caminho para novos processos.

Como aumentar o ticket médio?

Aumentar o ticket médio da empresa, está diretamente ligado ao crescimento do faturamento, bem como na maximização dos recursos da empresa. Além disso, avaliando o ticket médio será possível descobrir seus melhores clientes e conseguir mantê-los, fazendo-os gastar mais.

Agora que expliquei todo o conceito, vamos as 5 técnicas para aumentar o ticket médio da sua empresa.

Técnica 1: Invista na capacitação dos vendedores 

Se o objetivo é vender mais e melhor, o segredo está justamente em quem participa diretamente das vendas: os vendedores. Com isso, a sua empresa deve investir na capacitação e melhoria na forma como os vendedores atuam.

Dessa forma, não fique apenas no básico sobre os produtos ou serviços da empresa, mas invista continuamente em cursos e treinamentos para que sua equipe fique cada vez mais afiada.

Muitos podem dizer que a função de vender é apenas do vendedor, porém eu discordo totalmente dessa afirmação. Tendo em vista que melhores vendedores vão garantir maiores lucros para a empresa. Não investir na capacitação deles, será agir contra seu próprio negócio.

Além disso, ao lidar com clientes, quanto melhor for o trato maior serão as chances de conquistar e aumentar o ticket médio desse cliente. Tornar esse processo algo natural pode levar tempo, mas certamente trará excelentes resultados. Ficando muito mais fácil aumentar o ticket médio.

Técnica 2: Amplie as opções de compra

Quanto mais produtos/serviços a sua empresa oferecer, maiores serão as chances dos seus clientes adquiri-los. Porém, é preciso considerar que esses produtos/serviços devem ser planejados com muito cuidado.

Tendo em vista que oferecer um produto apenas por oferecer não faz sentido, uma vez que a empresa irá investir dinheiro em seu desenvolvimento. Entretanto, se houver esse cuidado com o novo produto/serviço, certamente será uma excelente forma de aumentar o ticket médio.

Lembre-se que o produto deve fazer sentido junto aos seus clientes e público-alvo. Com isso, uma das melhores formas de vender mais para os consumidores é apostar em produtos/serviços que completem o produto que elas estão adquirindo ou que gerem um upgrade.

Técnica 3: Estimule as recompras

O ticket médio é tão importante, pois ele usa informações dos próprios clientes da empresa, a partir dessas informações também é possível entender muito melhor alguns pontos sobre os clientes. Sobre isso, nessa técnica, será possível aumentar o ticket médio através da estimulação das recompras.

Esse ponto vai variar muito e dependerá da vida útil de cada produto ou serviço que a empresa dispõe, para a partir dessa informação poder criar todo um planejamento para entrar em contato com o cliente perto do fim do prazo do produto ou serviço.

Se bem utilizada, essa técnica vai garantir excelentes formas da empresa continuar sempre vendendo para seus clientes. Tendo uma tabela ou sistema completo com vencimentos, será possível chegar no cliente no momento certo.

Vou listar alguns exemplos, para ficar mais claro:

  • Lojas de venda de eletrônicos: utilizando do levantamento de vida útil de cada aparelho, para verificar se o cliente precisa de um novo;
  • Academias: criando planos mensais, trimestrais, semestrais ou anuais, para garantir que o cliente fique mais tempo utilizando (muitos combinam a isso descontos para quem fizer esse tipo de compra, pois garante o cliente por períodos mais longos, valendo a pena aplicar um desconto);
  • Oficinas: criando alerta nos celulares dos clientes quando a revisão ou troca de óleo estiverem perto do vencimento;
  • Entre outros.

Quando você já possui um cliente todo o processo de venda estará facilitado, tendo em vista que o cliente já utiliza (ou utilizou) produtos ou serviços da sua empresa e não será necessário convencer um novo cliente. Sendo mais fácil fazer uma revenda do que propriamente dito, uma venda.

Importante: conquistar novos clientes também é fundamental para o sucesso da sua empresa, com isso, sempre deve-se buscar atingir novos consumidores. O ticket médio garante melhores resultados com os clientes, porém, justamente com ele, deve ter a preocupação de cada vez mais ter novos clientes.

Técnica 4: Aposte em descontos e promoções nos períodos corretos

O time também é fundamental para conseguir aumentar o ticket médio. Dessa forma, aproveitar as datas, será uma excelente chance de criar promoções, que farão as vendas aumentarem, principalmente entre os clientes mais fiéis (algumas empresas fazem promoções apenas para os melhores clientes)

Os melhores períodos do ano para promoções são: 

  • Dia dos Namorados; 
  • Dia das Mães;
  • Dia dos Pais;
  • Dia das Crianças;
  • Páscoa;
  • Natal. 

Além das datas tradicionais, é comum utilizar outros períodos para promoções, dentro os quais é interessante citar:

  • Aniversário da empresa;
  • Black Friday (tradicionalmente em novembro, embora algumas empresas façam “fora” de época também);
  • E lojas que trabalham com roupas, calçados e acessórios, fazem promoções de outono, inverno, primavera e verão.

Embora pensar em promoções remeta a ganhar menos por produto, é justamente pela grande quantidade de vendas, possibilitando ter excelentes lucros mesmo cobrando um valor mais baixo pelos produtos ou serviços oferecidos pela empresa.

Técnica 5: Gere uma experiência única para o cliente

De nada vai adiantar seguir as técnicas acima, se a sua empresa não estiver preocupada com a qualidade apresentada para o cliente. E não estou falando apenas da qualidade dos produtos ou serviços (que certamente, deve ser alta), mas sim de toda a experiência do cliente.

Dessa forma, a empresa deve garantir um atendimento diferenciado em todas as etapas que o cliente estiver presente. Garantindo assim, que o mesmo veja todo o esforço da empresa com ele.

Se a sua empresa for “mais do mesmo”, o cliente poderá muito bem procurar um concorrente na hora de adquirir um produto ou serviço semelhante. Porém, se a empresa criar um vínculo forte com o cliente, as chances disso acontecer são baixíssimas.

Um dos grandes trunfos para aumentar o ticket médio é conquistar um público fiel. Inclusive pesquisas mostram que os clientes estão dispostos a pagar mais, se junto ao produto ou serviço de qualidade, estiver atrelado a um atendimento diferenciado.

Conclusão

No artigo de hoje ensinei 5 técnicas para aumentar o ticket médio da sua empresa. Dessa forma, seu negócio terá muito mais resultados e poderá desenvolver-se cada vez mais.

Por isso, sempre que quiser aumentar o ticket médio na sua empresa, fique atento aos 5 pontos mostrados hoje. Recapitulando:

  • Invista na capacitação dos vendedores;
  • Amplie as opções de compra;
  • Estimule as recompras;
  • Aposto em descontos e promoções nos períodos corretos;
  • Gere uma experiência única para seus clientes.

Para mais artigos sobre empreender e melhorar as vendas da sua empresa, continue lendo o blog da Smart. Vou deixar dois artigos que tem tudo a ver com o texto de hoje: 

Agradeço a sua leitura e nos vemos em breve em mais um artigo.

Categorias
Sem categoria

Smart Niterói: Já ouviu falar em Ticket médio? Saiba o que é, e qual a sua importância para sua empresa

Conheça esse importante indicador: o ticket médio. Siga comigo nesse artigo e descubra tudo sobre ele!

A sua empresa precisa analisar alguns indicadores, para entender realmente, o que precisa modificar ou continuar fazendo para conseguir ter cada vez mais resultados, ou ainda conseguir superar pontos negativos.

Uma empresa que não analisa seus números é uma empresa que está fadada ao fracasso. Quando falamos de empreendimentos, também estamos falando de números/dados. Por isso, não interpretar os números e não utilizá-los como fontes para estratégias é um erro que ninguém deve cometer.

No texto de hoje, mostrarei o conceito e a importância do ticket médio. Além disso, vou ensinar como calcular e analisar de forma correta. Tudo para você poder usá-lo corretamente, e trazer resultados satisfatórios para o seu negócio.

Mas afinal, o que é ticket médio?

O ticket médio é a média de gastos em pedidos, ou seja, quanto maior for esse valor, mais os seus clientes gastam com seus produtos/serviços. 

Além disso, o ticket médio pode ser usado como um importante indicador de comportamentos dos seus clientes em relação a sua marca, podendo ajudar a entender a satisfação do cliente com a empresa.

O ticket médio é representado através de um número que demonstra o valor de compra que cada cliente gasta em média. Podendo ser levantado de forma ampla ou através de um, ou mais produtos/serviços.

Desse modo, se o valor do ticket médio aumenta, a quantidade de lucro tem fortes chances de aumentar. E não necessariamente, terá que conseguir mais clientes para ter mais lucro, mas sim, aumentar a quantidade gasta por quem já é cliente. 

Ticket médio: qual é a sua importância?

Ter a informação correta do ticket médio é muito importante, uma vez que ele é considerado como uma das métricas de maior importância para entender seu negócio e buscar maximizar os seus resultados.

Ele irá fornecer informações importantes para a gestão da empresa, sendo muito útil para elaborar estratégias e planejar as vendas, onde o objetivo final é aumentar o lucro através dos resultados. 

Toda essa importância se dá, pelo fato de ser mais fácil buscar formas de vender mais para quem já é cliente, do que encontrar propriamente novos compradores. Por exemplo, poderá oferecer desconto para os melhores clientes e ainda assim lucrar, por estar vendendo mais, mesmo com desconto.

Também irá precisar de menos investimento, tendo em vista que quem já é cliente, conhece e confia nos produtos ou serviços. Mas isso não significa que a empresa não deva buscar novos clientes, inclusive existem diversas formas de aumentar os resultados, veja 5 estratégias de vendas nesse outro artigo.

Visto o tamanho de sua importância, é preciso entender também como fazer a análise correta, para ter dados reais, nos quais será possível criar planos sólidos. O que nos leva para o próximo ponto.

Como fazer a análise do ticket médio?

Esses são alguns pontos importantes sobre como deverá ser a análise correta do ticket médio:

  • Não analise o ticket médio de uma maneira isolado, sempre utilize um histórico de análises. Uma vez que fazer uma análise sazonal, poderá criar dados irreais. Por isso, acompanhe de maneira ampla;
  • Analise o ticket médio da sua empresa com base nela mesmo, e no que ela vende. Uma vez que diferentes produtos e serviços têm valores diferentes o que gerará tickets médios diferentes (onde nem sempre um maior, significa que a empresa terá mais resultados);
  • Analisando o histórico e comparando os resultados atuais com seus anteriores, será possível entender se aumentaram ou não. Por isso, faça comparações mês a mês, semestre a semestre, e ano a ano, assim você terá resultados reais;
  • O ticket médio é um importante indicador, porém não o utilize como a única métrica de análise financeira da sua empresa. É importante manter a análise em outros indicadores, tais como: lucro, renda, margem de contribuição, entre outros.

Como calcular o ticket médio?

Basicamente existem duas formas de calcular o ticket médio, com base nos números de vendas e com base na quantidade de clientes. Vou falar sobre cada uma delas.

Calcular ticket médio tendo por base o número de vendas

Para calcular esse tipo de ticket médio, vamos seguir a seguinte fórmula:

TM(V) = VT / V

Onde:

TM(V) = Ticket Médio de Vendas

VT = Volume total de vendas no período escolhido

V = Quantidade de vendas realizadas

Vou usar o exemplo da empresa fictícia ELEVEN, para podermos entender. Dessa forma, vamos usar os seguintes valores:

Volume total de vendas da empresa ELEVEN : R$1.000.000,00

Quantidade de vendas realizadas: 250

Usando a  fórmula:

TM(V) = 1.000.000 / 250

TM(V) = 4.000

Dessa maneira, o ticket médio de vendas no período estipulado é de R$4.000,00. Então, a empresa poderá buscar formas de aumentar o valor do ticket médio. Aqui é onde a equipe de vendas deverá estudar formas de fazer os clientes gastarem mais (aumentando o ticket médio).

Com isso, mesmo que mantenha as 250 vendas no período, poderá ter um total de vendas bem maior. Veja, se o ticket médio aumentar para R$4.100,00 (estamos falando de apenas R$100,00), teremos o seguinte cenário:

VT = TM(V) * V

Onde:

TM(V) = R$4.100,00

V = 250

Aplicando a fórmula:

VT = 4.100 * 250

VT = 1.025.000

Se a empresa ELEVEN aumentar o TM em apenas R$100,00, o valor total irá subir R$25.000,00, sem ter que aumentar o número de vendas, apenas criando um modo de fazer cada cliente gastar um pouco mais em cada contrato.

Verifique com a sua equipe, a possibilidade de incluir produtos ou serviços que não alterem tanto o valor final da compra do cliente, tornando a inclusão um acréscimo em algo que ajude nas necessidades do cliente (que ele vai adquirir pelo baixo custo) e ainda garantir para sua empresa um aumento no TM.

Como calcular ticket médio tendo por base a quantidade de clientes

Outro método bastante comum de calcular o ticket médio é utilizando a quantidade de clientes. Onde será possível entender quais são os seus melhores clientes (que dão mais lucro), quais são clientes normais e quais menos contribuem com o montante de vendas.

Para esse exemplo prático, vou usar novamente a fictícia empresa ELEVEN. Agora, a fórmula é bastante parecida, mas será preciso utilizar outro dado chave, a quantidade de clientes. Veja:

TM(C) = VT / C

Onde:

TM(C) = Ticket Médio por cliente

VT = Continua sendo volume total de vendas no período escolhido (vou continuar com o VT igual ao exemplo anterior)

C = Quantidade de clientes (que nesse exemplo será de 142 clientes)

Aplicando a fórmula:

TM(C) = 1.000.000 / 142

TM(C) = 7.042,25352

Na ELEVEN o ticket médio por cliente no período analisado é de R$7.042,25. Com esse número será possível identificar quais são os melhores clientes, onde a quantidade de vendas estão bem acima dos R$7.042,25. E quais clientes são os piores, onde as vendas estão bem abaixo dos R$7.042,25.

Para os melhores da lista, dá-se o nome do clientes-chaves (em inglês key accounts). Os clientes-chave ou key accounts, geralmente são os que representam os 20% com mais valor gasto atribuído. 

Por exemplo:

O cliente X gastou (no período avaliado) R$20.000,00

Já o cliente Y (no período avaliado) gastou R$3.500,00.

Dessa forma, o cliente X gastou quase 3 vezes mais do valor do TM, enquanto o cliente Y gastou menos da metade do valor do TM. Para agregar ainda mais, será muito importante a sua empresa entender o quanto ela gasta para manter um cliente.

Assim poderá focar nos clientes que mais contribuem, dando descontos, criando promoções, entre outras formas de fidelizar sua carteira. Dessa forma, tendo clientes com gastos muitos maiores que o TM, e obterá lucros cada vez maiores.

Conclusão

Após explicar o conceito, a importância e como fazer os cálculos para encontrar o ticket médio, é chegada a hora de aplicar o conceito em sua empresa, e assim conseguir tirar o máximo de proveito dessa importante métrica. 

Se não conhecia o conceito de ticket médio, releia este artigo até conseguir captar todas as nuances. Além é claro, de seguir à risca o tópico de como fazer a análise do ticket médio, com isso, as chances de sucesso serão bem maiores.

Aqui no blog, você encontra dezenas de artigos interessantes, onde vai entender importantes aspectos e características do empreendedorismo. Vou deixar dois artigos para complementa a leitura atual: 

Não deixe de compartilhar esse texto nos seus grupos de WhatsApp, para que mais pessoas se familiarizem e apliquem o conceito de ticket médio. 

Agradeço a sua leitura e nos vemos em breve!